Um pouco de exegese Romanos: O Evangelho De Deus





PAULO, APÓSTOLO AOS GENTIOS: O nome Paulo,significa pequeno, apesar de ter sido um grande homem de Deus.Foi o maior escritor do NT, Nascido em Tarso," da tribo de Benjamim,... quanto à lei,fariseu, quanto ao zelo, perseguidor da igreja; quanto à justiça que há na lei, irrepreensível. Mas, o que para ele, era lucro, isto considerou perda por causa de Cristo." Fp.3.5-7. Após esta breve introdução, gostaria de considerar algumas lições  paulinas, a partir de certos dados biográficos.e destaques de sua epístola aos Romanos: 1.1a  "Paulo, servo de Jesus Cristo..." doulos, servo, escravo, Paulo não tinha direitos, não era um empregado regido pela CLT,sua vontade estava totalmente sujeita à de Jesus, "..aquele que, sendo rico, se fez pobre,por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornásseis ricos." II Co.8.9 Paulo teve o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois Ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, ekenose ( indicativo, modo certo indubitável,aoristo, ação pontilear, singular, não processual, ativo, ele mesmo praticou o ato ), assumindo a forma de servo ( doulou ) forma de escravo, Fp.2:5-7, submisso ao Pai, aí encontramos a inspiração, paradigma, referencial do servo Paulo: Jesus.Este deve ser também nosso sentimento.Rm.1.1 b "Paulo,...chamado para ser apóstolo..." apostolos " etmologicamente formado de APO , de ,partindo de, preposição caso ablativo indicando origem, STELLO, mandar, enviar, ou seja, alguém enviado a partir de uma base, esta é o próprio Senhor Jesus, Sua autoridade, Mt.28.18-20, Jo.20.21 "...Assim como o Pai me enviou apestalke,indicativo, factual, perfectiva, conclusa no passado com efeitos presentes, o envio é atemporal, mas realiza-se no kairós divino, EU tambem vos ENVIO. pempo , modo da certeza, tempo da continuidade, ou seja, o envio não é circunstancial, mas perene, permanente, contínuo, ininterrupto, duradouro, até a volta de Cristo, ou nossa ida prá Ele. A presença do pronome indica ênfase EU vos envio, Cristo enviou ´Paulo e a nós também, Mc.16:15. " Por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo, viemos a receber graça e APOSTOLADO por amor do Seu nome, para obediência por fé, entre todos os gentios." Rm.1.5 O objetivo da separação para o evangelho de Deus, que é o próprio Filho de Deus, prometido conforme as Escrituras proféticas, encarnado, na descendência davídica, ressurreto dos mortos, não só filho de Davi, filho do homem,mas também designado Filho de Deus com poder  pela ressurreição.Objetivo desta separação para o evangelho de Deus, Rm.1.1c,16, é a obediência por fé entre todos os gentios, Rm.1.5 hypakoen, obediência, formado de: hypo, sob, em baixo de, akouo, ouço, quer dizer, ouvir com atitude submissa. é uma sub missão, a missão pertence a Deus, a missão é dEle,não é de todos os gentios, mas entre todos os gentios, no meio de todas as etnias, haverá obediência por fé.É o evangelho da certeza que de todas as tribos, povos e raças, estaremos diante do trono em adoração, Ap.5:7-10., os cristãos de Roma haviam sido chamados para serem de Jesus, Rm.1:6, chamados para serem santos, Rm.1:7, para isso Paulo havia sido também chamado para testemunhar o Evangelho da Graça de Deus, At.20:24, não o da prosperidade, do fisiologismo, do toma lá dá cá, mas as boas novas da imerecida e grandiosa salvação de Deus em Cristo Jesus para conosco. Paulo vai expor este evangelho de poder salvador, recebido pela fé, justificando o pecador, Rm.1.16,17. Esta é a tese de sua epístola, aos romanos: O Evangelho de Deus. Estas são as boas novas que precisamos anunciar, proclamar, como fez o apóstolo, assim também a Igreja Apostólica. O evangelho da graça alcançará os eleitos pela evangelização, no coração revalacional da eleição, Rm.9,10 e 11, encontramos no cap.10 Deus é rico para com todos os que O invocam,v12 b; todo aquele que invocar será salvo, v.13;  invocar , crer, ouvir e pregar são elos do plano de Deus, por isso fomos enviados, v.15 Pés formosos, não apenas língua erudita, Is.50.4.Paulo ilustra como ninguém dentre os servos de Jesus esta harmonia entre erudição e evangelização, culto, letrado, bem formado, fervoroso, intrépido irriquieto. dele se disse: que as muitas letras  faziam delirar, At.26.24, e também que transtornava o mundo,, e que seu espírito se revoltava diante da idolatria, At.17:16 Paulo assim se expressou I Co.9.16 b "...porque ai de mim se não pregar o evangelho!" Rm.15:19 b  "tenho divulgadoo evangelho de Cristo." v 20 "esforçando-me, deste modo, por pregar o evangelho...Este é o grande desafio exemplificado e exposto pelo servo e apóstolo "   sendo livre de todos, fiz-me escravo de todos, A FIM DE GANHAR O MAIOR NÚMERO POSSÍVEL." I Co.9.19.Que o Senhor da seara nos dê esta graça!jc de JC.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este Comentário será exibido após moderação dos Editores da equipe Plugados com Deus!