Cristo no Pentateuco Numeros Parte I

Continuando nossa série de estudos de Cristo no Pentateuco agora focalizaremos o livro de Números.

Introdução.

No livro de Números temos a história da vida do povo de Israel no deserto depois de ter partido do Sinai, isto é, depois da sua incorporação formal como povo escolhido de Deus sob o pacto da lei.

É uma história de triste e terrível fracasso. Em vez de uma marcha rápida para Canaã com a feliz posse da terra, tiveram de passar quarenta anos no deserto peregrinando. E durante esse tempo ali pereceu sob juízo divino a inteira geração que saiu do Egito. Uma nova geração foi conduzida para o limite da terra, vencendo toda oposição até se achar em frente da terra prometida e pronto para entrar. O propósito de Deus para o seu povo era dar-lhe uma terra abençoada que manava leite e mel. Leite das inúmeras cabras que por ali haviam e o mel do deserto, bastante conhecido por todos, chamado Tâmara além de outras delícias que se plantavam na região. Entretanto o povo não o quis, recusaram-se a subir e tomar posse da terra. Tudo isto estava dentro do propósito bendito do Deus Santo, mas era também resultado da desobediência do povo.

A lição espiritual aqui é simples e clara. Temos figurativamente a vida de muitos cristãos de hoje em dia. Remidos da escravidão de Satanás e contados entre o povo do Senhor deixam, contudo, de entrar na plenitude da benção do Evangelho de Cristo, de desfrutar das virtudes celestes por causa da nossa dura cerviz. Acaso muitas vezes não queremos nós voltar para o Egito? Voltar à escravidão dos desejos da nossa natureza humana? Será que não murmuramos muitas vezes da vida Cristã dizendo que era melhor nos tempos que não éramos crentes? Você poderá estar agora dizendo: - Antes eu podia sonegar o imposto de renda e estaria com um pouco mais de dinheiro! Hoje em dia tenho que declarar tudo! Essa vida cristã para mim não é benção ao invés de ganhar mais, eu perdi! Dentre muitas outras coisas que reclamamos e desejamos novamente nos deitar na lama do pecado. Porém apesar de mim e de você, a graça de Deus não falha, ELE nos dá dia a dia sua provisão, proteção, direção, quantas são as bênçãos da sua vida? Sabe contá-las? Existe um hino cristão que diz em uma de suas estrofes: "conta as muitas bênçãos dize de uma vez e verás surpreso o quanto Deus já fez, conta as muitas bênçãos logo exultarás e fortalecido tudo vencerás!"

O Senhor nos Ilumine e nos ensine a nos deliciarmos NELE.

Continua Parte II

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este Comentário será exibido após moderação dos Editores da equipe Plugados com Deus!