Como cuidar de Almas Doentes.

humildade 1

Eis uma boa dica de Leitura àqueles que desejam tratar e cuidar de almas doentes um livro antigo com mais de 90 anos mais bastante atual do doutor Reverendo Oswald Chambers. Ele divide seu pequeno livro em capítulos determinando os tipos de almas doentes.

•Antes de começar a falar nas almas o autor foca o obreiro dando alguns avisos e ressaltando algumas características desejadas.

•Em primeiro lugar o autor afirma que devemos confiar totalmente no Espírito Santo.

•Devemos ter cuidado com pacotes prontos de versículos bíblicos pois, Deus usa como quer sua palavra e um versículo que normalmente é usado para evangelização Deus pode usa-lo para santificação por exemplo.

•Não limitar de forma alguma o modo de agir de Deus.

•Crítica aos seminários como um todo, por sua aridez espiritual uma vez que seus alunos não aprendem a lidar com pessoas de verdade. Um médico precisa lidar com doentes para diagnosticar corretamente sua enfermidade!

•Seminários isolam seus alunos em refúgios devocionais, temos que aprender na prática, como em uma favela por exemplo.

•Alerta aos seminaristas para terem cuidado de não dizer que Deus não pode agir de determinada forma ponto freios, ou tentando sistematizar aquilo que é absoluto.

•Estar sempre alerta para as realidades divinas, estarmos por assim dizer Plugados com Deus 24 hs por dia.

•Por fim, o autor nos alerta para ter cuidado para não pegar as “doenças” das pessoas que cuidamos, facilmente um médico pode se contaminar caso não esteja com a vestimenta correta. Ele afirma que devemos ser como o Líbano que tem uma seiva tão forte que ao invés de servir de alimento aos parasitas ele os sufoca.

Ele sempre se Baseia em Deus, Escritura, Obreiro e Almas doentes.

Um dos capítulos mais interessantes abordado é quando o autor fala de Almas Depressivas.

•Vivemos o evangelho da “alegria”. Nos dizem que devemos ignorar o pecado bem como as pessoas deprimidas.

•50% da população do mundo é depressiva. Como ignorá-las?

•Não adianta exortar a que se anime pois é uma doença que está na alma.

•Caso de Lutero: “ Estou totalmente cansado da vida. Peço a Deus que venha e me leve daqui. Que ele venha, principalmente, com seu juízo final. Vou apresentar o pescoço, o trovão irá rugir e assim descansarei”. E segurando um colar de ágatas brancas, ele acrescentou: “Oh Deus, concede que o juízo venha sem demora. Eu, comeria de bom grado este colar se isso fizesse com que ele ocorresse amanhã”

•Certa vez em casa de uma senhora da nobreza alemã trava-se o seguinte diálogo:

“-Dr Lutero gostaria que vivesse mais uns quarenta anos!”

“-Senhora, Prefiro ir para o inferno a viver mais quarenta anos”. Era assim que lutero falava ao fim de sua vida sua alma estava doente.

•Tomé tinha visão pessimista da vida apesar de ser fiel a Cristo. Sempre achava que o pior iria acontecer. Jesus nunca disse para ele reanime-se amigo mas, teve um encontro pessoal com ele.Jo 20:24-29. Jesus tratou de forma extraordinária a vida de Tomé Curando-o totalmente. Hoje podemos tratar pessoas assim com auxílio de Cristo através dos médicos e remédios. Não devemos descartar que Deus possa fazer uma milagre e curar a pessoa sem remédios, contudo esta forma é mais rara.

•Maria Madalena é outro exemplo de alma enferma, aflita e torturada, porém, sua enfermidade era de origem externa ela estava com muitos demônios. Não devemos ignorar o agir do inimigo em vidas aprisionando e levandos à ruína.

•Para casos como o de Maria não adianta dizer que é coisa da sua cabeça e que demônio não existe. Muitos pastores têm caído nesse erro. Satanás ama quando dizemos que ele não existe, só assim poderá atuar livremente. Devemos sim libertá-las no poder de Cristo.

•Por fim, o autor concluí como começa destacando a vida do Obreiro Santo, porque nada fará sentido se o ministro do evangelho não tiver uma vida Santa e Unida 24 hs por dia com o Pai das Luzes.

•Amém.

4 comentários:

  1. Ótimas dicas, tem-se que buscar o puder de Deus para muitos males que nos afligem. Muitos desses males não podem ser curados pela medicina nem por meio da utilização da psicologia ou psiquiatria.

    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  2. achei otimas as dicas
    na minha igreja ocorre esses enganos em que pessoas vem e te dizem que depressão é coisa da nossa cabeça, quando na verdade não é apenas isso, mas sabemos que o diabo esta tentando nos destruir com nossas frustrações, mas gostaria de destacar também que devemos fazer um pequeno esforço e tentar ver que essas coisas são do malígno, o que é dificil, ainda mais quando se é do mundo e está tentando buscar a Deus.
    Fica aqui uma das minhas frases favoritas da bíblia e que me faz esquecer que não sou a única a passar pelas aflições do mundo.
    um abraço a todos e fiquem com Deus.

    João 16:33 Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

    ResponderExcluir
  3. irmâ andreia apreciamos muito o fato de terem sido úteis essas singelas informações esperamos em Deus que sempre sejamos instrumento para abençoar o Israel de Deus na terra. Nos ajude divulgando nosso blog.
    Em cristo,

    Equipe Plugados com Deus.

    ResponderExcluir
  4. Irmão francisco o Sr. Está coberto de razão em seu comentário é uma pena que hoje em dia temos uma psicologização dos púlpitos e nossos pastores estão mais parecidos com animadores de auditório do que ministros do Deus Altíssimo. O Senhor Jesus te abençõe e fortaleça.

    René Montarroyos

    ResponderExcluir

Este Comentário será exibido após moderação dos Editores da equipe Plugados com Deus!